Turismo de Malta presente na BTL 2019

Turismo de Malta vem à BTL apresentar propostas culturais relativas ao seu país

 

Malta assegura presença na próxima edição da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), “sendo a primeira vez que este destino turístico estará presente na maior feira de turismo nacional.

Durante os dias da BTL, que decorre de 11 a 17 de Março, a Autoridade do Turismo de Malta “irá dar a conhecer a todos os visitantes as últimas novidades do destino, assim como, disponibilizar o programa com as actividades culturais e turísticas que serão implementadas ao longo do ano”.

Um programa que estará disponível para todos os públicos diferentes que visitarem a Feira.

 Carlo Micallef, Vice-presidente e Director de Marketing da Autoridade do Turismo de Malta, afirma: “Para nós, esta presença na 31ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa é extremamente importante uma vez que consideramos o mercado português um dos mais relevantes para Malta. Esta será a nossa estreia na BTL e estamos muito confiantes com esta aposta. A BTL é a principal feira de turismo em Portugal e, em 2018, entre Janeiro e Novembro, o número de turistas portugueses cresceu 118,4% no nosso país, em comparação com 2017. Este número é realmente impressionante. É relevante referir que este crescimento se deve em parte aos voos directos entre Lisboa e Malta, implementados pela Air Malta em Maio do ano passado. Também estamos muito entusiasmados com a promoção do nosso destino entre os principais Operadores Turísticos e Agentes de Viagens representados na BTL. Esperamos poder desenvolver muitas parcerias de sucesso durante os dias dedicados ao Trade.”

O nosso objectivo é promover um destino repleto de cultura, lazer e animação. Em poucas horas de voo, os portugueses podem descobrir um leque de oferta que abrange quase todo o tipo de público, desde os mais jovens aos mais exigentes”, acrescenta ainda Carlo Micallef.


Para a Autoridade do Turismo de Malta é muito positivo o balanço relativamente ao crescimento do número de turistas no ano passado, embora não esteja ainda contabilizado o número final de visitantes.

Os principais factores apontados para o crescimento “são o facto da cidade de Valleta ter sido Capital Europeia da Cultura e a implementação de voos directos a partir de algumas cidades, como o caso de Lisboa, com companhias aéreas como a Air Malta ou Ryanair.”

Em relação a 2017 houve um aumento de 14,5% do número total de visitantes de todo o mundo, alcançado Malta os 2,5 milhões de turistas.”, refere a nota de imprensa.

No entanto o Reino Unido continua a ser o principal mercado turístico deste país, representando 24,7% dos visitantes, seguidos por Itália, com 15%; Alemanha, com 8,7%; e França, com 8,3%.

Malta, é o segredo mais bem guardado do Mediterrâneo, imperando ainda o mistério que rodeia este ilha.

Com 7.000 anos de história e um dos melhores climas da Europa, a duas horas de distância, um destino de filme As Ilhas Maltesas - Malta, Gozo e Comino – oferecem inúmeras atracções.

Desde sítios arqueológicos, declarados Património Mundial pela UNESCO...são inúmeros os recantos escolhidos como cenários de filmes como Tróia, Gladiador, Munique, O Conde de Monte Cristo, Vicky - O Vicking e, mais recentemente, o filme de Alejandro Amenábar.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade